Ronildo Alves Sobrinho, Advogado

Ronildo Alves Sobrinho

Fortaleza (CE)
3seguidores2seguindo
Entrar em contato

Sobre mim

e-mail: ronialves.adv@outlook.com / site: http://alvesronildo.wixsite.com/home
Advogado com forte atuação na cidade de Fortaleza, Estado do Ceará. Graduado pela Universidade Estácio de Sá. Habilitado na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) seccional Ceará sob o nº 37.673. Cursando Master of Laws (LL.M) em Direito Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro (FGV/RIO). Membro da Comissão de Direito Processual da OAB/CE. Atuante na área do Direito Civil, Empresarial, Tributário, Bancário e Direito do Consumidor.

Correspondência Jurídica

Serviços prestados
Recursos
Despachos
Exame de processos
Mediação
Análises
Acompanhamentos

Recomendações

(7)
Roosevelt Abbad, Professor
Roosevelt Abbad
Comentário · há 3 anos
Tema recorrente pela importância. Essa questão tem sido enfrentada com sabedoria pelas sociedades com elite responsável, criando uma cultura solidária sem extorquir um enquanto o outro vive às custas do favorecimento pelo preconceito de gênero que domina o direito de família nas sociedades que se cristalizam no comodismo das injustiças sociais ainda que defendam a justiça com um falso moralismo.

O problema da pensão alimentícia no Brasil é que a abordagem está errada.

Primeiro que as decisões sobre o quantum necessário é, na esmagadora maioria dos casos, um carimbo de 30% sem um mínimo de reflexão sobre o salário do pai, gerando sérias distorções beirando ao estelionato.

Segundo que em países civilizados como na Suécia, não existem problemas entre pais e filhos com relação ao suporte financeiro por que lá a convivência é equilibrada e as despesas divididas, diferente daqui que conviver com o filho virou um negócio, um toma lá da cá. As crianças viraram moeda de troca nas chantagens emocionais e financeiras, com a alienação parental como instrumento de tirania e vingança correndo solta.

Por exemplo, dos 49% de pais que sofriam com a alienação parental nos EUA, 100% deles deixavam de cumprir com o suporte financeiro aos filhos, como retaliação.

A solução foi mudar a abordagem e aplicar a convivência equilibrada.

Surpreendentemente como afirma Bauserman (2002) em seu estudo de meta análise envolvendo 36 sociedades ocidentais, surgiu sentimentos de cooperação entre o ex casal e os problemas de ajuda financeira foram resolvidos a zero.

Guarda compartilhada com convivência equilibrada resolve o problema da pensão alimentícia.

Guarda unilateral é um rentável negócio para alienadores, advogados e psicólogas, pois está focada na estratégia do litígio, um comodismo para quem é favorecido por um sistema arcaico, ultrapassado e caduco.

Perfis que segue

(2)
Carregando

Seguidores

(3)
Carregando

Tópicos de interesse

Carregando
Novo no Jusbrasil?
Ative gratuitamente seu perfil e junte-se a pessoas que querem entender seus direitos e deveres

Outros advogados em Fortaleza (CE)

Carregando

Ronildo Alves Sobrinho

Av. Barão de Studart, 2360 - Fortaleza (CE) - 60120-002

Entrar em contato